jump to navigation

(pmr) sentidos Janeiro 26, 2015

Posted by paulo jorge vieira in poemas.
Tags: ,
trackback

beijo2

Escrevo os sentidos dos dias em nós. Deixo que me invadas cheio de carinho. Deixo que o teu corpo me toque com a dureza que o tempo lhe dá. Deixo que o cheiro das tuas entranhas me ocupe os poros. Deixo que o furor dos movimentos se instale como ruido de fundo nos meus ouvidos. Deixo que a partilha dos líquidos seja a partilha de sabores gourmet. Deixo que os sentidos fiquem inundados de provocações que dão senso ao que escrevo!

(Jorge Christina Alves)

Anúncios

Comentários»

1. João Roque - Fevereiro 7, 2015

Lindo!


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: