jump to navigation

Mariana Avelãs: Arguida Novembro 23, 2012

Posted by paulo jorge vieira in Uncategorized.
Tags: , ,
trackback

Parece ser uma anedota mas não o é. Assim se limita o uso do espaço público na sociedade portuguesa nos nossos dias. A situação é, no seu todo, demasiado grave e realmente limitadora do direitos de associação, manifestação ou simples encontro no espaço público das cidades portuguesas. A limitação do direito de manifestação será, sem dúvida, uma das formas com que o “fascismo social” em que vivemos se fará presente num futuro cada vez mais próximo.

 

A 15 de setembro um milhão de pessoas saiu à rua em dezenas de cidades portuguesas, respondendo ao apelo lançado por um grupo de 15 cidadãos. Dois meses e meio depois, sabe-se que Mariana Avelãs, uma das organizadoras, foi constituída arguida no dia 8 de novembro pelo «crime» de organização de manifestação não comunicada, e encontra-se, neste momento, com Termo de Identidade e Residência.

 

O movimento esclarece que «a suposta manifestação terá, segundo a denúncia policial, ocorrido no dia 12 de setembro, e mais não foi do que a conferência de imprensa de divulgação da manifestação de 15 de setembro – em que 15 pessoas seguraram uma faixa em frente da Assembleia da República enquanto falavam com os jornalistas, sem qualquer incidente ou impacto na ordem pública».Mais adiantam que «os agentes da PSP que se deslocaram ao local traziam consigo um mandado de notificação já preenchido, ao qual faltavam apenas os dados da pessoa a notificar.»

About these ads

Comentários»

1. Jaime Branco - Novembro 25, 2012

Não sei se esta nojeira me vai fazer perder tempo! Os portugueses dos “brandos costumes” já “eram” e com este espicaçar ininterrupto dos nossos governantes, alguns parentes próximos da família da corrupçãp, vão levar a melhor sobre as convicções de mentes límpidas e transparentes! Querem mesmo à viva força coarctar-nos a liberdade? Não vão encontrar pela frente muitos desprevenidos…E não vai ser nada que se vá oferecer de “mão beijada”. Até porque os mandatos têm o seu termo!

2. Portugal: Authorities Bring Charges Against Women Activists · Global Voices - Fevereiro 2, 2013

[...] Paulo Jorge Vieira [pt] echoed Mariana's outrage: [...]

3. Portugal: Authorities Bring Charges Against Women Activists | World News Curator - Fevereiro 3, 2013

[...] Paulo Jorge Vieira [pt] echoed Mariana’s outrage: [...]

4. Πορτογαλία: ακτιβίστριες ενώπιον της δικαιοσύνης · Global Voices στα Ελληνικά - Fevereiro 11, 2013

[...] Ο Paulo Jorge Vieira [pt] απηχεί την οργή της Mariana: [...]


Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 2.719 outros seguidores

%d bloggers like this: